Início Ciência e Inovação A primeira imagem de um buraco negro. Como se fotografa algo invisível...

A primeira imagem de um buraco negro. Como se fotografa algo invisível e o que mostra do grande “mistério da física”?

266
0

Até agora, as imagens de buracos negros eram meros desenhos. Tudo mudou esta quarta-feira. O Event Horizon Telescope mostrou o “mistério da física”. Como se fotografa o que não pode ser visto?

É como olhar para o fresco que Michelangelo Buonarotti pintou no tecto da Capela Sistina. Mas no lugar de Adão está um telescópio com oito olhos e no lugar do Criador está um dos maiores mistérios do mundo da física e da astronomia: os buracos negros.

Esta quarta-feira, e ao fim de 13 anos de observações, a equipa de cientistas por detrás do Event Horizon Telescope anunciou as primeiras descobertas desde que oito observatórios em todo o mundo se juntaram na esperança de captar a primeira foto de um buraco negro. Até hoje, todas as imagens de buracos negros que viu, até mesmo aquela que ilustra este artigo, não passavam de um desenho saído da imaginação dos artistas. Mas de repente, tudo mudou.

Fonte: OBSERVADOR

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here